segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Abrindo o coração...

Estou sendo quase toda a audição, a visão, a coragem de continuar, etc, etc... de outra pessoa. Gostaria imensamente que ela estivesse bem, por ela, mas como não está faço isso com prazer e farei o quanto precisar. Isso talvez explique a minha falta em outros lugares e situações. Por mais que eu tenha o desejo de ajudar (e ajudo) isso não impede que o cansaço chegue ao limite de minhas forças, mas, um passo de cada vez, um dia de cada vez e lá vou eu pois sei que lá na frente tudo vai melhorar. Bom dia gente amada, foco, força e fé, abraço vocês!